domingo, 8 de outubro de 2006

O que leio

Freqüentemente me perguntam quais livros leio ou recomendo. Decidi fazer uma lista de AUTORES, certamente não é exaustiva e não se trata de número claustro, somente um referencial - belo referencial eu completaria.

BÍBLIA. Philip Yancey. Sófocles. Shakespeare. Baudelaire. Fernando Pessoa. Florbela Espanca. Vinícius de Moraes. Dostoiévski. C.S.Lewis. Victor Hugo. Saint-Exupèry. George Orwell. Ernest Hemingway. Cícero. E.M. Cioran. Mark Twain. John Stott. Caio Fábio. Agostinho. Gogol. Paulo (o apóstolo). Tolstói. Jorge Luís Borges. Rubem Alves. Tournier. Milton. Larry Crabb. George MacDonald. Ayn Rand. Richard Bach. La Boètie. Morris West. Rudolf Von Ihering. Maria Garcia. Pontes de Miranda. Gabriel Garcia Marquez. Arthur Schopenhauer. Cesare Beccaria. Dietrich Bonhoeffer. Friedrich Nietzsche. Miguel de Cervantes. Sören Kierkegaard. Maquiavel. Honoré de Balzac. Gaston Bachelard. Brooke Newman. Aldous Huxley. Jack Miles. Orígenes Lessa. John Pollock. Homero. Gibran. Eça de Queirós. Goffredo Telles Jr. Machado de Assis. Érico Veríssimo. Antônio Vieira. Henry Nouwen. Tozer. Érico Veríssimo. Guimarães Rosa. Isak Dinesen (Karen Blixen). Orlando Boyer. John Donne. Carnelutti. Chesterton. Brennan Manning.

Como disse, não se trata de lista exaustiva e há muitos de que gosto e sequer foram incluídos aqui; mas 'espremerei' um pouco mais para os neófitos:
Sugiro a BÍBLIA, sempre; penso que nenhum autor compete com Deus; depois dEle, o mundo nada pode nos oferecer, conquanto nos brinde com bons escritores. Os estrangeiros devem ser lidos: Recomendo Victor Hugo (francês), Dostoiévsky (russo) e Shakespeare (inglês); vastos como é vasta a vida. Indicaria, dentre os escritores cristãos, o sempre brilhante Philip Yancey, o indescritível Brennan Manning, Henry Nouwen, Eugene Peterson, Stott e, certamente, C. S. Lewis. Bem, se nessa inefável lista de bons escritores ainda quiserem acrescentar poesia, sugiro John Donne e Fernando Pessoa (devem ser lidos com moderação). Brasileiros indico Machado de Assis, Augusto dos Anjos, Ricardo Barbosa e 'Clarice Lispector'. Se couber mais alguma coisa, sugiro Jack Miles, mas advirto: Leitura perigosa, quase imoral, no entanto, é fascinante flertar com esses pensamentos. Ayn Rand - indubitavelmente. É isso. Certamente deixei, imperdoavelmente, grandes escritores de fora, mas para começar, a lista é suficiente. Em outro momento farei menção a títulos. Paz-ciência.
(Dáuvanny Costa)

5 comentários:

Lou Mello disse...

Euzinho, por exemplo.

Lou H. Mello disse...

Depois você apaga o anterior, se quiser.

Sua lista inclui vários livros que li. É uma lista muito boa. Não sei se você viu a lista dos 50 títulos evangélicos mais procurados nos EUA da Christianity Today. É muito interessante, também. Legal, perceber que não há nenhum que eu não leria. Sua opinião é importante para mim. Fico feliz quando vejo um post seu novo.

Sérgio Gomes disse...

Muito boas indicações. Espero que eu consiga ler todos eles; agradeço pelos que me deu a oportunidade de ler e pelo incentivo constante. Obrigado, meu Anjo.

Carlos disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blog.
Carlos disse...

Caraca! Espero um dia ter sua cultura. Parabens pelas postagens e por voce ser voce...rs...